Trizteza.com

Tudo sobre tecnologia, games, animes e entretenimento para você.

Death Note é uma série de mangá escrita por Tsugumi Ohba e ilustrada por Takeshi Obata. Os capítulos do mangá foram serializados na revista semanal japonesa Weekly Shōnen Jump de 2003 até 2006, com os capítulos compilados em um total de 12 volumes tankōbon e lançados pela editora Shueisha. No Brasil, a série de mangá foi licenciada publicada em duas versões pela editora JBC, que também lançou as duas light novels da série. Em Portugal, o mangá foi licenciado e publicado pela editora Devir Manga.

A história centra-se em Light Yagami, um estudante do ensino médio que descobre um caderno sobrenatural chamado "Death Note", no qual pode matar pessoas se os nomes forem escritos nele enquanto o portador visualizar mentalmente o rosto de alguém que quer assassinar. A partir daí Light tenta eliminar todos os criminosos e criar um mundo onde não exista o mal, mas seus planos são contrariados por L, um famoso detetive particular.

O sucesso do mangá levou a vários produtos relacionados. A história do mangá foi adaptada em uma série de televisão de anime produzida pela Madhouse e dirigida por Tetsurō Araki, composta de 37 episódios. O anime foi exibido no Japão de 3 de outubro de 2006 até 26 de junho de 2007 pela Nippon Television. O anime foi exibido no Brasil pela primeira vez em 2009 pelo Animax, e mais tarde reexibido em 2014 pela PlayTV. Em Portugal foi exibido pelo Animax e pela SIC Radical. Além disso, a obra foi adaptada em três filmes live-action, com um quarto previsto para ser lançado em 2016 e um filme americano previsto para 2017, um drama, duas light novels e vários jogos eletrônicos criados pela Konami para o Nintendo DS.

Light Yagami é o mais psicopata doente estudante do Japão. Um dia, sua vida sofre uma mudança radical, quando ele entediado, encontra um estranho caderno sobrenatural chamado "Death Note", caído no chão. Atrás do caderno havia instruções sobre sua utilização, onde dizia que se escrevesse o nome de uma pessoa e visualizasse mentalmente o rosto desta, ela morreria de um ataque cardíaco em 40 segundos. No início, Light desconfiava da autenticidade do caderno, mas depois de testá-lo em duas ocasiões, ele percebe que seu poder era verdadeiro. Depois de cinco dias, ele é visitado pelo verdadeiro proprietário do Death Note, um shinigami chamado Ryuk, que conta que ele tinha deixado cair o caderno na Terra porque estava entediado, e Light, então, lhe diz que o seu objetivo era matar todos os criminosos, a fim de purificar o mundo do mal e tornar-se o "deus do novo mundo". Mais tarde, o número de mortes inexplicáveis dos criminosos chama a atenção do FBI e de um famoso detetive particular conhecido como "L". L deduz rapidamente que o assassino em série — apelidado pelo público como "Kira" — estava no Japão. Também percebe que Kira poderia matar pessoas sem a necessidade de colocar um dedo nelas. Light descobre que L será um de seus maiores rivais, e começará um jogo psicológico entre eles.

Misa Amane, uma ídolo japonesa famosa portadora de um Death Note, no qual lhe foi entregue por Rem, a pedido de Gelus; se encontra com Light. Misa ficou obcecada por Kira depois que ele matou o assassino de seus pais, pelo modo que se dedica a ajudar Light, fazendo se passar pelo "segundo Kira", até ser capturada e presa por L, já que ele suspeitava dela. Light traça um plano para renunciar a posse dos Death Notes — tanto o seu como o de Misa — e, portanto, perder suas lembranças destes para poder resgatá-la. Depois de perder suas lembranças, Light é liberado para começar a investigar com L sobre um grupo de executivos chamados "Yotsuba", que possuía o Death Note de Misa. Para parar-los, Light recupera todas as suas lembranças no momento em que toca no Death Note. Rem, sendo manipulado por Light para que atue a seu favor, mata L e seu assistente, Watari. Uma vez que viola uma das regras do Death Note, Rem morre logo depois, aumentando o tempo de vida de Misa. Após a morte de L, Light assume como o "novo L" no grupo de investigação. Cinco anos mais tarde, aparecem Near e Mello, os verdadeiros sucessores de L, que se dividem para ver quem pegará Kira primeiro. Near, com ajuda do governo, cria a SPK, uma organização fundada com o objetivo explícito de capturar Kira. Enquanto que Mello faz um acordo com a máfia para conseguir o mesmo objetivo. Mello começa a executar seu plano e a investigar sobre os poderes do Death Note e Near — se fazendo passar por L — se comunica com Light, que também se passa por L. Light não esperava que L tivesse sucessores, de modo que terá que escapar novamente das deduções deles e assim, cumprir suas ambições.

Posteriormente, Light decide procurar uma pessoa para substituí-lo por um tempo em seu trabalho como Kira, já que Near estava começando a suspeitar de que ele e Misa já não lhes servia. Assim, escolhe Teru Mikami, um homem que admirava Kira como um deus. Mello, com a ajuda de seu amigo Matt, sequestra Kiyomi Takada, que era namorada de Light na universidade, mas que depois Light a utiliza para completar seus planos. Matt morre metralhado após a perseguição dos guarda-costas de Takada, proporcionando uma oportunidade de fuga a Mello. No entanto, ele é morto por Takada, que possuía um pedaço de Death Note, mas depois Takada é assassinada por Light. Por outro lado, Near faz contato com Light e sua equipe para realizar uma reunião. Light aproveita a oportunidade para comunicar a Mikami que investigue sobre os verdadeiros nomes dos membros da SPK. Quando o dia da reunião chega, Mikami escreve os nomes dos membros da SPK em seu Death Note, mas Near explica que nada iria acontecer, porque com a ajuda de Stephen Gevanni, ele havia trocado esse caderno por um falso. Light, ao sentir-se encurralado pelas deduções de Near, revela que tudo era verdade e tenta matá-lo com um pedaço de Death Note que estava no seu relógio. No entanto, Matsuda — um dos agentes do caso Kira — dispara contra ele, o ferindo gravemente. Mikami se suicida porque Light havia sido derrotado e aproveitando o momento em que escapa, Light passa a se lembrar de tudo o que viveu. No final, Ryuk escreve o nome de Light Yagami em seu Death Note e ele morre.

Dragon Ball Super é uma série de anime produzida pela Toei Animation, começou a ser exibida no Japão pela Fuji TV em 5 de julho de 2015. Dragon Ball Super é o primeiro anime inédito da franquia Dragon Ball, produzido dezoito anos depois de Dragon Ball GT e também é a sequência direta do anime Dragon Ball Z e Dragon Ball Kai. O anime conta a história de Goku após a batalha contra o inimigo Majin Boo.

Em Portugal, a sua transmissão é feita pela Sociedade Independente de Comunicação (SIC), sendo um dos primeiros países a estrear a série. A dobragem ficou a cargo do estúdio Audio In que manteve o elenco das séries anteriores (com a exceção de António Semedo, já falecido). A estreia deu início a 24 de setembro de 2016.

Vários meses após a derrota de Majin Boo, a paz voltou à Terra. Son Goku agora trabalha como um agricultor de rabanete para sustentar sua família. Sua família e amigos vivem vidas pacíficas.. No entanto, uma nova ameaça aparece, trata-se de Bills, O Deus da Destruição, que é considerado o ser mais aterrorizante no Universo 7. Bills está ansioso para lutar contra o lendário guerreiro que ele tinha visto em uma profecia, conhecida como o Deus Super Sayajin. Para proteger a Terra, Goku se transforma no Deus Super Sayajin para lutar contra Bills e, apesar de perder, a luta acalma o Deus da Destruição o suficiente para que ele decida poupar o planeta. Esta saga reconta os eventos de Dragon Ball Z: Battle of Gods.

Enquanto Goku e Vegeta saem com Bills e seu ajudante Whis para treinamento, dois remanescentes do exército de Freeza chegam à Terra e usam as Esferas do Dragão para revivê-lo. Freeza, em seguida, reúne suas forças e volta a decretar sua vingança em Goku e seus amigos, mas apesar de ficar forte o suficiente para alcançar uma nova transformação, ele é mais uma vez derrotado por Goku. Esta saga reconta os eventos de Dragon Ball Z: Fukkatsu no F.

Em uma época posterior, Champa, o irmão gêmeo de Bills e o Deus da Destruição do Universo 6, aparece e o convence a realizar um torneio entre os melhores lutadores do universo de cada deus para uma posse da Terra. Goku, Vegeta, Piccolo e Majin Boo se juntam ao jogo, que terminam em uma vitória surpreendente para a equipe de Bills após os lutadores mais fortes de cada lado, Goku e Hit do Universo 6 acabam perdendo.

Depois que o torneio foi concluído, Trunks do Futuro reaparece, trazendo notícias de um novo, poderoso inimigo assemelhando-se a Goku, conhecido como Goku Black. Goku e os outros eventualmente descobrem que Goku Black é realmente um Kaiō-shin do Universo 10 chamado Zamasu, que sequestrou o corpo de Goku de um cronograma diferente como parte de seu plano para alcançar a imortalidade e acabar com todos os mortais.

Algum tempo depois que a ameaça de Zamasu é eliminada, um novo torneio é organizado por Zen-Oh, o rei de todos os universos, apresentando equipes de lutadores de cada universo, chamado Torneio de Poder. Os guerreiros Goku, Vegeta, Piccolo, Majin Boo, Gohan, Androide 17, Androide 18, Kuririn, Tenshinhan e Mestre Kame se juntam ao torneio como representantes do Universo 7 em uma batalha que pode decidir seu destino.

Canal Projeto Remake: https://www.youtube.com/channel/UCYVXUt2Oo4CfuGlwdjJRQgg

Comentários